Izaura Nascimento Soares
O Sorriso De Uma Estrela
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
 Nas bordas do amor


Diga sonhador, o que fazes com tanto amor,
Canta somente para o mundo e para eu saber,
Onde tu guardas tanto afeto e tanto querer,
Que esquenta minha alma, e o meu corpo de calor.
 
Diga de onde vem tanto fervor e tanto ardor.
Carinhosamente guardas dentro do peito,
O amor mais sublime, verdadeiro e perfeito,
Que me embriaga e deixa-me cheio de rubor.
 
E a este sonhador, que canta o verso na borda
Do amor, não revela seu segredo tão bom,
Colore o sonho de quimera em frente à porta.
 
Nesta canção do amor que chora o acordeom
Cantam os versos no tique-taque das cordas                   
Onde o violino corta a melodia do som.
Izaura N Soares
Enviado por Izaura N Soares em 28/04/2011
Comentários