Izaura Nascimento Soares
O Sorriso De Uma Estrela
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
 
O CLAMOR DE UM AMOR
Izaura N. Soares


Não me deixes debruçada nas águas da solidão,
Donde a correnteza leva-me forçada
Para longe do meu amor.
Não me deixes perdida nessa triste ilusão,
Pois a ti, eu pertenço, pertenço também,
Ao teu coração.
Não me deixes a mercê de palavras vãs,
Que desnorteiam o meu pobre coração,
Que ao se afastar de ti, quase morreu de dor.
Diga se isso não é amor, pois o que sinto,
É quase como um clamor de um amor que perdeu
A solidez quando de ti se afastou.
Assim é a vida de uma historia que começou,
Mas o fim; ainda não chegou!

24/03/2012
Izaura N Soares
Enviado por Izaura N Soares em 08/04/2012
Alterado em 11/04/2012
Comentários