Izaura Nascimento Soares
O Sorriso De Uma Estrela
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Esperança fria, cama vazia
Izaura N. Soares


Minha cama está vazia, está fria,
As árvores secaram,
Apenas um ninho a vista
Esperando o nascer
De um novo passarinho.
 
Venha esquentar minha cama,
Minha alma, porque o sangue
Está fervendo, bombeando,
Está em erupção para encher
De vida o teu coração.
 
Na cama eu penso que comando,
Mas o meu corpo ainda te obedece,
É muito triste a tua ausência
Agora eu sei, e pago penitencia.
 
Voltarás um dia meu bem?
Para os braços de quem te ama?
Ou será que a esperança é fria

No corpo do amor em chama?

09/07/2011

Izaura N Soares
Enviado por Izaura N Soares em 11/04/2012
Comentários